LIFE IMPERIAL
Início  /  Agenda
Agenda
Seminário “Conservação de Aves de Rapina”
14 de Novembro de 2019 ao 16 de Novembro de 2019
Castro Verde

SEMINÁRIO FINAL | LIFE Imperial

 

Information in english HERE.

 

++++ LIVRO DE RESUMOS DISPONÍVEL AQUI ++++

 

++++ VEJA ALGUMAS FOTOS AQUI ++++

 

APRESENTAÇÃO

 

Data: 14 a 16 de novembro de 2019
Local: Cineteatro de Castro Verde, Portugal

 

A Comissão Organizadora do Seminário “Conservação de Aves de Rapina” tem o prazer de o convidar a participar neste evento realizado no âmbito do Projeto LIFE Imperial “Conservação da Águia-imperial-ibérica (Aquila adalberti) em Portugal”, que ocorrerá em Castro Verde (Portugal), de 14 a 16 de novembro de 2019.


Este Seminário pretende ser um encontro internacional sobre a conservação da Águia-imperial e outras grandes águias e abutres. Visa a divulgação dos resultados obtidos no âmbito do LIFE Imperial e a troca de conhecimentos e de experiências internacionais, relativas às diversas espécies, e que permitirá uma conservação mais eficiente das aves de rapina, particularmente as grandes águias e os abutres.


O evento incluirá sessões plenárias, apresentações orais e pósteres, bem como outras atividades, tais como saídas de campo, workshops e exposições, e ainda alguns momentos culturais. Destina-se a investigadores, biólogos, veterinários, estudantes, autoridades e público em geral.


O idioma principal do Seminário será o português, sendo que poderão ocorrer algumas comunicações em inglês ou espanhol.


A participação é gratuita mas com inscrições obrigatórias e limitadas.

 

 

LOCAL

 

O Seminário terá lugar no Cineteatro Municipal de Castro Verde. Este espaço encontra-se localizado no centro da vila de Castro Verde, Beja, Portugal.


Cineteatro Municipal de Castro Verde
Praça da Liberdade
7780-134 Castro Verde
Coordenadas GPS: 37.6996319, -8.0860456

 

As pausas para café e a exposição dos pósteres serão nas instalações da Associação Sénior Castrense (ao lado do Cineteatro), que desta forma também apoia a realização deste Seminário. Bem-hajam!

 


 

 

PROGRAMA

 

O Seminário incluirá dois dias com sessões plenárias de 30 minutos dos oradores convidados, seguidas de apresentações orais de 15 minutos. Os pósteres serão expostos durante todo o evento, tendo sessões específicas durante as pausas para café. O terceiro dia será dedicado a um conjunto de atividades adicionais.

 

14 de novembro, 5ª feira

 

9:00 – Receção de participantes

 

9:30 – Sessão de Abertura

10:00 – “LIFE Imperial: 5 anos de conservação da águia-imperial-ibérica em Portugal”

Paulo Marques (LPN)

 

Painel “Conservação de Águias-imperiais”

10:15 – “Conservação da Águia-imperial-oriental (Aquila heliaca) na Hungria”
Orador convidado: Márton Horvath (MME)
10:45 – A Águia-imperial-ibérica em Portugal
Vítor Encarnação (ICNF)


11:00 – Questões & Discussão

 

11:15 – Pausa para Café (Sessão de Pósteres)

 

Painel “Conservação da águia-imperial-ibérica”

11:45 – “Conservação da Águia-imperial-ibérica na Andaluzia (Espanha)”
Orador convidado: José R. Garrido (Junta de Andaluzia) - substituído por Agustín Madero
12:15 – “Mortalidade de Águia-imperial-ibérica em Portugal (2003 – 2017)”
Liliana Barosa (LPN)
12:30 – “Programa de marcação da população de Águia-imperial-ibérica em Portugal”
Carlos Carrapato (ICNF)


12:45 – Questões & Discussão

 

13:00 – Almoço (livre)

 

Painel “Ameaças, medidas de minimização e ações de conservação”
15:00 – “Situação atual e conservação da Águia-imperial-ibérica em Castilla-La Mancha”
Juan Pablo Castaño (Junta de Comunidades de Castilla-La Mancha)
15:15 – “Objetivos e resultados preliminares do Projeto LIFE PannonEagle”
Márton Horváth (MME)
15:30 – “LIFE Rupis: Conservação da Águia-perdigueira e do Britango no Douro Internacional”
Julieta Costa (SPEA)
15:45 – “Recolonização do Sudeste de Portugal pelo Abutre-preto Aegypius monachus na sequência de esforços de conservação dirigidos”
Eduardo Santos (LPN)
16:00 – “Alimentação suplementar: Novas estratégias para melhorar a conservação de aves necrófagas ameaçadas”
Iván Gutiérrez (Palombar)


16:15 – Questões & Discussão

 

16:30 – Pausa para Café (Sessão de Pósteres)

 

17:00 – “Projeto LIFE LINES: “Eco esteira horizontal”, uma solução inovadora para a minimização da problemática de eletrocussão e colisão de aves em linhas de distribuição de eletricidade”
Samuel Infante (Quercus)
17:15 – “Eletrocussão de aves em apoios da rede elétrica: Que fatores bioecológicos influenciam a eletrocussão?”
Jaime Sousa (SPEA)
17:30 – “Minimização do risco de eletrocussão em áreas prioritárias para a Águia-imperial-ibérica (Aquila adalberti)”
Hugo Lousa (LPN)


17:45 – Questões & Discussão

 

18:00 – Tertúlia LIFE Imperial
18:30 – Homenagem aos “Guardiões da Águia-imperial”


19:00 – Encerramento dos trabalhos

 

20:00 – Jantar do Seminário



15 de novembro, 6ª feira

 

Painel “Tratamento e recuperação”
9:30 – “Tratamento e recuperação de aves de rapina no GREFA”
Orador convidado: Fernando Gonzalez (GREFA)
10:00 – “Parasitas gastrointestinais detetados numa cria de Águia-imperial-ibérica admitida no CERAS”
Filipa Lopes (CERAS/Quercus)
10:15 – “Reabilitação e libertação de uma cria de águia-imperial-ibérica Aquila adalberti
Verónica Bogalho (Lx-CRAS)
10:30 – “Maneio e resolução de torcicolo em aves de rapina recebidas no CRAS-HVUTAD”
Susana Cristina Mendes (CRAS-HVUTAD)


10:45 – Questões & Discussão

 

11:00 – Pausa para Café (Sessão de Pósteres)

 

Painel “Educação, Sensibilização e Comunicação”

11:30 – “Fatores chave para modificação de atitudes do público sobre a biodiversidade em ações de educação ambiental”
Oradora convidada: Eunice Sousa (CIIMAR)
12:00 – “Parcerias em Educação Ambiental na SPEA. O exemplo do LIFE Rupis: conservação de Britango e Águia de Bonelli nas Arribas do Douro”
Vanessa Oliveira (SPEA)
12:15 – “LIFE-Relict: Consciencialização pública e divulgação”
Cristina Baião (UÉvora)
12:30 – “A educação ambiental no LIFE Imperial”
Paulo Marques (LPN)


12:45 – Questões & Discussão

 

13:00 – Almoço (livre)


Painel “Seguimento remoto”

15:00 – “Incentivar a recuperação da ameaçada Águia-imperial-ibérica: o programa de reintrodução na Andaluzia”
Orador convidado: Miguel Ferrer (EBD-CSIC)
15:30 – “Por onde andam as águias-imperiais-ibéricas adolescentes? Movimentos e distribuição durante a fase de dispersão”
Ana Teresa Marques (cE3c)
15:45 – “Antes de partir: uso de pousos de juvenis de Águia-imperial-ibérica durante o período de dependência”
Rita Ramos (cE3c)


16:00 – Questões & Discussão

 

16:15 – Pausa para Café (Sessão de Pósteres)

 

16:45 – “Primeiro estudo sobre dispersão juvenil de Abutre-preto (Aegypius monachus) no Parque Natural do Tejo Internacional, Portugal.”
Alfonso Godino  (Hawk Mountain Sanctuary)

17:00 – “Telemetria de Britango no Douro internacional”
Julieta Costa (SPEA)
17:15 – “Caracterização do uso de veneno no Baixo Alentejo: a experiência do RIAS e o maior caso de envenenamento na história do Alentejo”
Maria Casero (RIAS/Aldeia)


17:30 – Questões & Discussão

 

17:45 – Sessão de Encerramento

 


16 de novembro, Sábado

 

9:00 – Visita às ZPE de Castro Verde e do Vale do Guadiana (ESGOTADA)

 

13:00 – Almoço (livre)

 

15:00 – Demonstração cinotécnica de deteção de veneno (ponto de encontro: gare de autocarros de Castro Verde)
16:00 – Visita guiada à exposição "A extraordinária Águia-imperial-ibérica: um relato fotográfico" (Posto de Turismo)

 

 

ORADORES CONVIDADOS:

 

 

Fernando González

 

Fernando González formou-se como veterinário na Universidade Complutense de Madrid. Trabalhou no grupo de resgate de aves oleadas durante o desastre do Prestige. É diretor do Hospital de Fauna Selvagem do GREFA (Grupo de Rehabilitación de la Fauna Autóctona y su Hábitat), em Madrid, desde 2003. Presta assistência veterinária a vários projetos de reintrodução de Abutre-preto, Águia-real, Águia de Bonelli, Peneireiro-das-torres e Grifo.


É colaborador honorário no ensino pela Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade Complutense de Madrid (Departamento de Farmácia e Toxicologia). É membro do GMCAE-AVEPA (Grupo de Especialidad en Medicina y Cirugía de Animales Exóticos - Asociación de Veterinarios Españoles Especialistas en Pequeños Animales) e da AAV (Association of Avian Veterinarians).

 

 

Miguel Ferrer

 

Miguel Ferrer é professor investigador do Conselho Nacional de Pesquisa de Espanha (CSIC) e trabalha na Estação Biológica de Doñana (EBD). Foi diretor na “Raptor Research Foundation” (US) e é presidente da Fundação Migres desde 2003. Em 2012, foi nomeado coordenador institucional do CSIC na Andaluzia. Recebeu o prémio Frank e Frederick Hamestron em 2005 por excelência na investigação científica e conservação de aves de rapina, e o prémio Watson Raptor Price Science 2013, entre outras distinções.

 

Desde 1992, a equipa liderada por Miguel Ferrer tem participado em inúmeros projetos para avaliar os parâmetros demográficos da Águia-imperial-ibérica e para mitigar os fatores não-naturais de mortalidade. Também participou na elaboração dos planos de recuperação da Águia-imperial e de reintrodução da Águia-pesqueira na Andaluzia.

 

 

José Rafael Garrido

 

José RafaeI Garrido trabalha na área de biologia da conservação há quase 20 anos, no Governo Regional da Andaluzia. Tem uma vasta experiência a trabalhar em estreita colaboração com os órgãos públicos relacionados à gestão ambiental e com a sociedade civil, especificamente com conservação da vida selvagem.


Tem vindo a desenvolver e implementar os Planos de Ação de Espécies Ameaçadas, como a Águia-imperial-ibérica, a Águia-pesqueira, o Pato-de-rabo-alçado (Oxyura leucocephala) ou a Pardilheira (Marmaronetta angustirostris), entre outras espécies. José Rafael Garrido tem também trabalhado em estratégias de conservação ex-situ, especialmente nos programas de reprodução em cativeiro e programas de reintrodução bem-sucedidos de Águia-imperial, assim como na monitorização das populações reintroduzidas de Águia-pesqueira.

 

 

Márton Horváth

 

 

Márton Horváth é o gestor da conservação de espécies da BirdLife Hungary. É o coordenador nacional da conservação da águia-imperial-oriental desde 2001 e também coordenou os programas nacionais anti-eletrocussão (2006-2011) e de envenenamento ilegal de aves (2006-2017). Foi o gestor de três projetos LIFE relacionados com a conservação de águias-imperiais na Hungria e nos países vizinhos entre 2002 e 2019.

 

Escreveu a sua tese de doutoramento sobre a seleção de habitat e biologia populacional das águias-imperiais na Hungria. Esteve diretamente envolvido em projetos de pesquisa internacionais sobre monitorização populacional, genética e seguimento de águias-imperiais-orientais em 11 países.

 

 

Eunice Sousa

 

Eunice Sousa é bióloga doutorada em comunicação e disseminação da ciência. Os seus principais interesses são o desenvolvimento de estratégias para a sensibilização e consciencialização do público acerca da biodiversidade, através da exploração autónoma da natureza e a utilização do potencial dos canais de comunicação tradicionais e artísticos para os desafios da comunicação científica contemporânea.


Especializou-se no contacto direto com a natureza e no uso de livros infantis para o desenvolvimento de uma perceção pública mais positiva da biodiversidade. Tem experiência na criação, execução e avaliação de programas de comunicação científica, incluindo media, atividades hands-on, ciência cidadã e exposições, bem como manipulação de peças de história natural para projetos de museologia.

Contribuiu para vários tipos de projetos de comunicação da ciência, incluindo a exposição “Evolução de Darwin”, a campanha “Charcos com Vida”, o projeto LIFE+ Trachemys e o projeto “Cadeias Alimentares Marítimas”. O seu trabalho académico em comunicação científica é alvo de artigos em revistas internacionais.

 

 

SUBMISSÃO DE RESUMOS/APRESENTAÇÕES:

 

Este Seminário incluirá comunicações sobre os seguintes tópicos:

1) Conservação de aves de rapina incluindo medidas de gestão de habitat
2) Seguimento remoto e conservação de aves de rapina
3) Tratamento e recuperação de aves de rapina
4) Linhas elétricas e o perigo de eletrocussão
5) Uso ilegal de venenos
6) Educação, sensibilização e envolvimento de partes interessadas
7) Outros temas relevantes para a conservação das aves de rapina


O Seminário terá apresentações de oradores convidados e comunicações orais e escritas (formato póster) submetidas pelos participantes.


Está assim aberta a submissão de resumos para apresentações orais e pósteres. Os resumos deverão ser preparados em português* e inglês, utilizando o template em formato Microsoft Word disponível AQUI, e a submissão deverá ser feita através do email lpn.cea-castroverde@lpn.pt. Todas as informações sobre os resumos podem ser encontradas AQUI.

* Os autores que não dominem a língua portuguesa deverão submeter apenas o resumo em Inglês.


A avaliação e o processo de seleção dos resumos serão feitos pela Comissão Científica. As submissões serão avaliadas no prazo de um mês após a data limite de submissão e os participantes serão informados do resultado da avaliação da sua submissão por email.

 

A apresentação no Seminário dos trabalhos selecionados implica a inscrição de um dos autores ou orador AQUI.

 

Os resumos aceites serão incluídos no livro de resumos do Seminário, a distribuir pelos participantes e a disponibilizar posteriormente na Internet.


NOVO prazo para submissão de resumos: 30 de setembro de 2019

 

Comunicações orais:
- As comunicações orais (em português, inglês ou espanhol) terão um limite máximo de tempo de 15 minutos (seguir-se-á um momento de debate/questões após cada bloco de 3-4 apresentações).

 

Pósteres:
- Os pósteres deverão ser apresentados em português ou inglês e terão sessões de apresentação específicas durante as pausas para café.

 

 

INSCRIÇÕES


As inscrições no Seminário são gratuitas mas limitadas e obrigatórias. A inscrição inclui admissão no programa científico e cultural, materiais do Seminário e pausas para café. As refeições não estão incluídas.


A inscrição deverá ser feita através do formulário online (AQUI). Após a inscrição, os participantes irão receber a confirmação da sua inscrição via email.
 

 

COMISSÃO ORGANIZADORA

 

  • Paulo Marques (LPN)
  • Liliana Barosa (LPN)
  • Hugo Lousa (LPN)
  • Rita Alcazar (LPN)
  • David Marques (CMCV)
     

 

COMISSÃO CIENTÍFICA

 

Paulo Marques

LPN - Liga para a Protecção da Natureza

 

Luis Palma

CIBIO/InBio, Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos, Laboratório Associado

 

Catarina Ferreira

Global Species & Key Biodiversity Areas Programme/European Regional Office
IUCN (International Union for Conservation of Nature)

 

João Paulo Silva

CIBIO/InBio, Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos, Laboratório Associado, Universidade do Porto e 

Instituto Superior de Agronomia, Universidade de Lisboa

 

Nuno Pedroso
ICAAM - Instituto de Ciências Agrárias e Ambientais Mediterrânicas, Instituto de Investigação e Formação Avançada, Universidade de Évora e
FCUL - Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa

 

Ricardo Brandão

CERVAS - Centro de Ecologia, Recuperação e Vigilância de Animais Selvagens/Associação ALDEIA

 

INFORMAÇÕES E CONTACTOS


Inscrições (até 31 de outubro): AQUI


Prazo para submissão de resumos: 30 de setembro de 2019


Como chegar: PDF disponível AQUI


Onde estacionar: consultar sugestões AQUI

 

Onde dormir*: consultar AQUI e mapa AQUI (PDF disponível AQUI)


Onde comer: consultar AQUI e mapa AQUI (PDF disponível AQUI)


Contactos e informações: 925068990 | 286328309| lpn.cea-castroverde@lpn.pt

 

  Acompanhe todas as novidades no evento do Facebook (AQUI)

 

*O Hotel "A Esteva" (http://www.aesteva.pt/) apoia a realização do Seminário “Conservação de Aves de Rapina" atribuindo um desconto de 10% na estadia aos participantes neste evento. Este desconto aplica-se também aos participantes que já efetuaram reserva. Para usufruir da redução de preço, apresente o e-mail de confirmação de inscrição aquando da reserva ou check-in. A organização do Seminário agradece imenso ao Hotel "A Esteva" esta colaboração! Bem-hajam!